Veja 2007 – 2008

Veja 2007 – 2008

O negócio começou como um barzinho de pescados. Numa ocasião, um frequentador e amigo dos proprietários resolveu assar uma costela. A carne não só nunca mais saiu do cardápio como se tornou carro-chefe. Tanto que  a casa acabou de ser eleita a melhor costelaria da região pelo juri VEJA ABC. O clima ainda é informal e a decoração daz referência à capital européia que da nome à casa, com quadros, bandeiras e garrafas de cerveja almãs distribuídas pelo ambiente. A costela é temperada, enrolada em papel celofane e assada no bafo durante quinze horas antes de ir à mesa. É servida com mandioca no rechaud, acompanhada de farofa, pão e vinagrete.